O Pé

O Pé
Tudo que pisamos, nos apoia.

15 de out de 2010

CAMBISTA x POLICIAL


18h10 do dia 10/10/10.
Quase tudo cabalístico!
Liguei para o Diogo para saber onde ele estava. Show do Rush não dá para atrasar.
Avisei a ele que estaria ao lado de um carro da polícia na entrada da Passarela do Samba na Presidente Vargas.
Sentei no chão aguardando.
Cambistas vendiam livres impunementes ingressos.
De repente, um dos cambistas vai em direção ao policial militar que falava ao telefone, encostado no veículo policial.
O policial faz uma pausa na conversa, enquanto o cambista reclama com ele que ninguém está comprando ingresso.
O oficial da lei dá com ombros, como se o problema fosse apenas do cambista.
O meliante sai de perto e vai continuar seu "trabalho".
O policial continua ao telefone.
Aparece outro cambista e diz para o policial, indo em direção ao capot do carro.
Ele diz: a parada ta no parabrisa aqui!
E coloca algo amassado no canto do parabrisa do automóvel.
O policial militar continua a falar no telefone, mas vai em direção ao parabrisa do carro.
Olha para mim.
E visivelmente constrangido tenta disfarçar para pegar a "parada" no parabrisa.
Depois de tentar encenar algo que estava estampado e decretado como suborno, propina, ele pega o dinheiro deixado pelo cambista e sai de perto da viatura.
Como era o show do Rush: BIG MONEY...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é importante, mesmo que seja nada, ele pode ser tudo.