O Pé

O Pé
Tudo que pisamos, nos apoia.

7 de set de 2010

A GRAMA É MAIS IMPORTANTE

Acordei hoje com aquela sensação de não sair de casa. Curtir um
feriado domiciliar.
O dia amanhaceu com um tímido sol.Mas tudo parecia que o dia não seria nublado.
Fomos eu e a esposa passear com os irmãos da igreja.
Logo no café da manhã as pessoas manipulavam os pães com presunto e
manteiga sem luvas.Respirei fundo escolhi um pão do fundo da caixa e
comi.
Enchemos o carro com a material que o pessoal da cozinha nos entregou.
Chegando no local da confraternização, não podemos entrar com o carro
para descarregar pois a grama era nova.Esperamos uma prancha de metal
com 4 pneus de fusca para levar as bodegas pela grama nova.
Descarregando, percebeu-se a falta de alguns materiais descartaveis,
refrigerantes e biscoitos Fofura que tinham ficado.
A (des)organizada lider disse que o marido dela já não queria ir e
voltar para buscar, de jeito nenhum.Minha esposa devolveu que nem o
marido dela voltaria.
Respirei fundo novamente...
Após o almoço, as pessoas começaram a cantar antigas cantigas de roda.
Minha esposa resolveu participar. Infelizmente, ela deu um mal jeito
na coluna.
Dor aguda...muitos se aproximaram e prestaram os primeiros socorros.
Na hora de levá-la para o hospital, a chave do portão para eu entrar
de carro havia sumido.
Assim, não poderia estragar a grama nova.
Juntamos alguns indignados com esta situação exdrúxula e abrimos o cadeado.
Respirei fundo...

--
Enviado do meu celular

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é importante, mesmo que seja nada, ele pode ser tudo.