O Pé

O Pé
Tudo que pisamos, nos apoia.

23 de jun de 2010

IGREJA DE SUCESSO COMERCIAL

Alguma vez alguém te perguntou: você não consegue enxergar o que está acontecendo diante dos seus olhos?
A situação é tão óbvia, tão evidente que acabamos não acreditando por ser tão descarada.
É mais fácil ignorar do que enfrentar e resolver.
Inconscientemente, a ignorância é uma bênção.
Tenho lido em vários blogs por aí, a preocupação com a profusão dos pregadores televisivos, analisando e informando as mancadas e erros destes pastores e bispos.
Vamos ao óbvio.Como já escrevi por aqui, é fácil fazer uma igreja de sucesso.
O Marketing é uma poderosa ferramenta para alcançar o sucesso comercial.
Não estamos discutindo "qualidade" espiritual.
A igreja com Propósitos foi uma implementação de uma idéia não de um pastor, mas do papa do marketing: Peter Drucker.
Baseado na idéia da qualidade dos serviços e da participação coletiva iqualitária ele desenvolveu e Rick Warren implementou na sua igreja em Saddlebeck.
Por mais que os defensores do modelo não gostem, é tudo apenas uma questão de oferecer satisfação em um serviço espiritual.
Isto só acontece, pela fraqueza das igrejas locais que não conseguem nem implantar o modelo bíblico e se desvirtuam por estes caminhos do sucesso comercial e de público.
Se o cliente quer cantilenas lamuriantes, apelos de mudanças, momentos de contrição ou palavras de vitória, uma superdose do "remédio" no doente espiritual.
É OBVIO que para enxergar isso, é só olhar ao redor.
Se não fossem as dezenas de milhares de pessoas que desejam o que Silas Malafaia, RRSoares, bispo Waldemiro oferecem eles não estariam aí com seu sucesso comercial e com seus programas em diversos canais, em diversos horários.
Essas pessoas sustentam e apoiam estes ministérios comercialmente bem sucedidos.
Também é claro, que os pastores querem suas igrejas cheias, com público para falarem.Para arrecadarem.
Igreja é coletividade.
Não dá para criar uma igreja do Eu Sozinho ou da uma igreja Cristo em Casa.
Mas na televisão, na igreja dos pastores televisivos, dá para trocar de canal ou desligá-la.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é importante, mesmo que seja nada, ele pode ser tudo.