O Pé

O Pé
Tudo que pisamos, nos apoia.

16 de dez de 2008

ALGUM DIA FEZ SENTIDO?

Quantas vezes olhamos o nosso passado, para entendermos algo, e temos a nítida impressão que se não faz sentido agora, fazia menos ainda no passado.
Pode ser por um capricho do destino, ou uma curva temporal de nossa existência, que acabamos encontrando pessoas, que por mais diferentes que sejam de nós, com idéias discordantes, comportamentos politicamente corretos se tornam nossos amigos e amigas.
Esta explicação não está no campo do plausível.
Ganhei um amigo nos últimos tempos que em nenhum momento poderia ser meu par em situação alguma.
Está fora dos padrões de normalidade.
Meus padrões de normalidade.
Como diz o ditado, família a gente não escolhe, amigos sim.
Porém, eu não escolhi nenhum dos meus amigos.
Acho que quem se aproxima de mim, por conta e risco próprio, sempre acaba percebendo que sou bem pior do que pareço.
Aliás, o perfil dos meus novos amigos está mudando.
Acho que faz parte das mudanças.
A gente quase que tem que pescar pessoas sinceras, fieis e confiáveis.
Nos dias dos relacionamentos descartaveis. encontrar amigos de verdade a cada dia é mais raro.
A maioria das pessoas que conheço cultiva as antigas amizades.
Insegurança.
Desconfiança, fazem parte dos relacionamentos.
Procurar e encontrar verdadeiros amigos, dá trabalho.
A paciência também está naquele lote de mudanças.
Minha melhor amiga nos últimos meses, se preparou para um projeto no terceiro mundo.
Passou 9 meses enclausurada, e nos falamos bem pouco, por emails e por carta.
Agora que ela foi, a comunicação será quase impossível, escassa, rara.
Mesmo com o mundo interligado, globalizado, nem todos os lugares estão incluídos na profusão digital que estamos acostumados.
Uma das musicas que mais me deixa irritado é aquela que Milton Nascimento canta que amigo é para se guardar do lado esquerdo do peito, mesmo que o tempo e a distancia digam não.
A letra é belíssima, mas a melodia...
Sei que quando ela voltar daqui a um ano e alguns meses, vamos continuar sendo amigos.
Alguma coisa vai mudar pelas novas experiências que ela está começando a vivenciar agora.
Amizade está realmente no campo da falta de sentido.
Está fora dos nossos preconceitos, desejos ou atitudes.
Nem tudo que gostariamos de controlar em nossas vidas, conseguimos.
Os desejos estão na falta de sentido.
E na falta de controle de nossas mentes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é importante, mesmo que seja nada, ele pode ser tudo.