O Pé

O Pé
Tudo que pisamos, nos apoia.

15 de jun de 2007

ORKUTICÍDIO É A SOLUÇÃO FINAL!

Nestes últimos dias resolvi cometer o suicídio virtual! No momento que a febre atinge seu auge no Brasil, onde 30% dos participantes são tupiniquins, resolvo acabar com a meu Orkut.
Não faço mais parte da vida social virtual dos bisbilhoteiros de plantão.
Criei um monstro, ele se tornou real, tem amigos, fãs, recebe scraps, pessoas bisbilhotam a vida dele vendo seu álbum, lendo suas mensagens falando abobrinhas político-religiosas.
Estou seguindo os passos do meu amigo Diogo que já tinha se matado anteriormente.
Eu não podia imaginar q as pessoas fossem assim tão crédulas.
Tão ingenuas em falar, em contar, descrever suas vidas em linhas virtuais com um desconhecido. Se o monstro fosse um psicopata, ele estaria munido de elementos para cometer algum ato. Muita gente aceitou o monstro sem perguntar. Se tornou fã?!?!?!?!
Aliás, o monstro é um psicopata!
Com aquela cara de americano rejeitado, com um sapo, uma namorada linda como Marriane, três cãezinhos chamados Crosby, Stills & Nash (só faltando o Young que brigou com o resto e não tirou a foto, tudo a ver com a realidade) fã de Fatboy Slim...
Acho que vou colocar umas armas no álbum de foto dele para ficar mais psicopata.
Derepente, as pessoas se tocam e detonam o enjeitado.
Vai ter gente me xingando, reclamando do embuste.
Talvez assim reflitam e vejam qual a importância de algo tão fake em suas vidas.
Eu tinha criado umas comunidades, mas ficar gerenciando, bisbilhotando quem entra, quem posta o que, não é para mim. Se a pessoa existe ou não. Não tenho essa abnegada paciência de fazer isto.
Apagar os scraps para ninguém acompanhar seus diálogos ou saber com quem você fala.
Namoradas sem noção que querem saber quem é aquela fulaninha que te deixou um scrap?
Por essas, não dá para fazer parte de um mundo assim.
Radical.
Sim.
Garanto que ninguém vai perceber que cometi o Orkuticídio.
O pior que a morte leva uns dois a três dias. Você se mata e fica esperando o corpo sumir. Enquanto isto, continuam bisbilhotando a minha vida, recebendo scraps.
Morte imediata. Mas tardia.
Eu só percebi que o Diogo se matou porque ele me falou.
Alguém já percebeu que eu morri?

7 comentários:

  1. Eu já sabia que era você, mas tudo bem! Não acho o orkut de todo ruim não, acredito que podemos tirar coisas boas, reencontrar pessoas que não víamos a tempos, enfim... Quanto aos fuxiqueiros, paciência não tenho nada a esconder (ou tenho? huahuahua)...
    Enfim cada um com seu cada um...

    ResponderExcluir
  2. Dona Livia, eu acho q tem muito a esconder.....huahuahuhauha...vamos levantar o tapete do seu quarto e ver qt sujeira tem lá...ou está debaixo da cama? Enfim, é isso aí...

    ResponderExcluir
  3. "Fernando" vc não tem noção... Only!

    ResponderExcluir
  4. O que eu acho mais impressionante, é o fato de ser o diferente por não ter mais orkut. Fico pasmo quando as pessoas me olham como um alienígena ou um idiota quando digo q não tenho orkut. "Entra na minha comunidade que vc verá quem é" - pessoa fofoqueira; "Eu não tenho orkut" - EU; "Como assim vc não tem? Em que mundo vc mora?". Ao invez da pessoa usar a internet para coisas contrutivas, as pessoas preferem abrir a "REVISTA CARAS" da internet e bisbilhotar. Já ouvi uma pessoa falar: "Cria um Fake, que é pra vc saber do que acontece". Prefiro uma relação pessoal mais estreita e contrutiva.
    Me sinto vivo...

    ResponderExcluir
  5. Aplausos para a teoria do Diogo, Interessante o ponde de vista da Lívia...
    Só pro va a frase que já foi colocada aui...

    "cada um com seu cada qual"

    Eu tenho orkut, me divirto com as coisas 100 noção que as pessoas comuns, como eu e você cometemos. Somos normais também por sermo iguais!
    e nas diferenças podemos crescer muito...
    olha que legal estou até filosofando e vc antes de ler essa linha está pensando que o que digo tem algum fundamento. mas confesso, são apenas palavras...
    palavras pequenas,
    palavras...
    momentos....
    palavras,
    palavras,
    palavras...
    rsrsrrsr
    Quando lançar o tal famoso livro:" descobri o porque da cultura inútil", me fala, quero ser a primeira a tê-lo em minha estante.
    Bjim

    ResponderExcluir
  6. Quantos aos erros de digitação...
    mereço desconto estou em horário de trabalho
    cris. :P

    ResponderExcluir
  7. acho todos 100 noção.

    ResponderExcluir

Seu comentário é importante, mesmo que seja nada, ele pode ser tudo.